#6. Roommates

Olá Pessoal! Boa Noite!

Hoje vou falar um pouco sobre como é dividir casa com pessoas que você não conhece.

Bom, quando saímos daqui do Brasil para a Flórida, a empresa falou que era obrigatório ficar no housing deles, pois eles não queriam que os funcionários tivessem problema procurando apartamento e que isso atrapalhasse o trabalho. Então mesmo sendo casados, morando sozinhos a um ano desde o casamento, nós topamos.

Antes de irmos para lá, estávamos sempre conversando com várias pessoas que iriam trabalhar na empresa junto conosco via orkut e Facebook. E lá decidimos quem seriam nossos roommates. Avisamos que só queríamos dividir casa com pessoas que não quisessem fazer festa e que não fossem barulhentas. E foi aí que fechamos o grupo. Nós dois, o Kismet e duas outras meninas brasileiras.

Porém, essas duas meninas tiveram o visto negado, e ai o André entrou na nossa casa. E ficou somente nós 4 por volta de um mês e pouco até chegar o Vasko, um macedônico muito gente boa!

Os primeiros 6 meses foram bem difíceis, não vamos negar.

A casa tinha 3 quartos, sendo uma suíte. E pela bondade dos nossos amigos, eles nos cederam a suíte. (Tem casa que mesmo tendo pessoas casadas, os roommates sorteiam para ver quem fica com a suíte), então tivemos sorte.

Vou citar alguns problemas básicos de se dividir a casa:

– Várias vezes queria lavar e secar minhas roupas antes de ir trabalhar, mas já tinha alguém usando a máquina.
– Ás vezes queria cozinhar, mas já tinha gente cozinhando então tinha que esperar a pessoa acabar para cozinhar.
– Ás vezes ia fazer comida, olhava a pia, e estavam todas as panelas sujas na pia, então tinha que lavar a louça de outra pessoa para poder fazer a minha comida.
– Ninguém tirava o lixo comum para fora.
– Lavar a cozinha e sala também era muito difícil. Ninguém queria limpar.
– Imagino que para eles que dividiam o banheiro ainda deveria ter questão de querer tomar banho e ter fila pra usar o banheiro.

E para piorar a situação, tivemos um problema com os famosos bed-bugs no nosso apartamento. Pra quem não sabe o que são os bed-bugs, eles são uns bichinhos nojentos e pequenininhos que entram no seu colchão e se instalam nas paredes e quando você vê têm milhões deles e não dá mais para controlar. Deixo o link abaixo.

http://en.wikipedia.org/wiki/Bed_bug

A infestação começou no quarto de um de nossos colegas e começou a se alastrar pela casa. Como alugamos o apartamento mobiliado, e nunca tínhamos ouvido falar sobre bed-bugs na vida, não fizemos nenhuma inspeção.

O teto do quarto do nosso amigo ficou lotado de bichinhos, de branco passou a ser preto, então ele informou ao RH da empresa que trabalhávamos, pois foram eles que alugaram o apartamento, e eles começaram a enviar semanalmente uma equipe de dedetização.

Por causa desse bichinho, toda quinta-feira por 2 meses, tínhamos que empacotar todas as nossas coisas, lavar lençol da cama, levantar os colchões apoiando-os na parede, colocar todas as coisas pessoais dentro do banheiro e lavar todas as nossas coisas com água fervendo, aí vinha a equipe de dedetização para aplicar o veneno.

Então imaginem, a gente trabalhando de 9am às 11pm, tendo que chegar em casa exaustos, empacotar todas as coisas e no dia seguinte a noite desempacotar tudo de novo. Era super exaustivo, como se estivéssemos fazendo uma mudança toda semana.

Mas nem tudo é ruim, depois de alguns  meses os bichinhos foram embora, e a gente também. Mas a amizade com o Kismet, o André e o Vasko dura até hoje e espero que para sempre.

DSCN0476 copy

Vasko, Kismet, André, Ro, e Eu. Os roommates!

Até a próxima!! Fiquem com Deus!

Li&Ro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: